Latrocida que matou jovem autista em Moju é recapturado pela PM neste sábado

Na época, o crime repercutiu em todo o estado. Leonardo foi condenado em regime fechado, fugiu, e a guarnição da PPD Soledade, sob o comando do Major Lima, realizou a recaptura.

Na manhã deste sábado, 07, Policiais Militares do Posto de Policiamento Destacado da Soledade, no Alto Moju, realizaram a prisão de Leonardo Oliveira dos Santos, conhecido como Leo. Ele estava foragido do sistema penal e cumpria pena pelo crime de latrocínio, que é o roubo seguido de morte.

‘Leo’ havia sido preso no dia 06 de Março de 2016, um dia após a morte do jovem autista conhecido como ‘Jhon’, que foi morto por Leo no dia 05 março de 2016.

Leo agora está novamente à disposição da justiça para cumprir a pena pelo seu crime. Ele foi condenado há 19 anos em regime fechado.

Relembre o caso:

O caso que causou revolta na população da cidade, foi a morte de um jovem por volta das 17h do dia 05 de Março de 2016, um sábado. De acordo com testemunhas, a vítima estava em um coreto de uma praça da cidade para se proteger da chuva, quando dois homens em uma motocicleta o abordaram para roubar o celular dele.

A vítima – que teria transtorno autista – se recusou a entregar o aparelho celular e por isso foi baleado, segundo moradores de Moju. Os acusados fugiram do local sem levar nada.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui