Grave acidente entre dois veículos deixa um morto na Alça Viária

O caso foi uma ultrapassagem mal executada.



Um grave acidente de trânsito na rodovia PA-483 (a Alça Viária), em Acará, nordeste do estado, resultou na morte de um homem na tarde desta quarta-feira (17). A colisão foi entre um furgão modelo Volkswagen Kombi e um a caminhonete da Equatorial Energia. Um funcionário da concessionária foi levado para o hospital e passa bem, enquanto o homem identificado como William Gomes não resistiu aos ferimentos e morreu no local.

De acordo com a Secretaria de Saúde de Acará, o acidente foi por volta das 14h na altura do KM-28 da rodovia estadual, cerca de uma hora de distância do centro do município. Ainda não se sabe a dinâmica do acidente, mas as primeiras informações colhidas pelo Batalhão de Policiamento Rodoviário (BPRv) da Polícia Militar dão conta de que o caso foi uma ultrapassagem mal executada. Os dois veículos se chocaram de frente, resultando em uma colisão violenta.A Kombi dirigida por William ficou destruída, bem como a caminhonete da Equatorial, e o 25º Grupamento do Corpo de Bombeiros, com sede em Marituba, foi acionado para prestar apoio à ocorrência, trabalhando para desencarcerar os homens presos na estrutura de metal retorcido. O veículo de William trazia uma carga de açaí, que foi toda espalhada pela rodovia com a violência do impacto. Um homem, identificado como Railson Rosário, foi levado ao Hospital Metropolitano de Urgência e Emergência (HMUE), em Ananindeua, para receber atendimento.

O Centro de Perícias Científicas Renato Chaves enviou equipe ao local, que fica em um trecho um pouco isolado da rodovia, para analisar a cena e remover o corpo da vítima que morreu. Em nota, a Equatorial Pará informou que as causas do acidente ainda estão sendo apuradas e que está prestando toda a assistência aos colaboradores envolvidos. Os colaboradores da distribuidora passam bem e foram encaminhados ao hospital para realizar os exames necessários. Após cerca de cinco horas de pista parcialmente interditada, o BPRv liberou a passagem, com o término dos trabalhos das autoridades.

Fonte: O Liberal 


DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui