Triplo homicídio: três irmãos são mortos a tiros em Portel, no Marajó

A Polícia Civil investiga as três mortes, registradas em uma área de difícil acesso e muito distante da sede do município.

Polícia Civil investiga um triplo homicídio registrado na zona rural de Portel, na ilha do Marajó. As vítimas são três irmãos, identificados como Gleibson Costa da Conceição, 25 anos, Kaique Costa da Conceição, 21, e um adolescente de 17. Os crimes ocorreram na Vicinal Lisboa, um local de difícil acesso, já no limite com o município de Pacajá.

Os irmãos foram baleados por volta de 21 horas de sábado (23). Ainda segundo as primeiras apurações policiais, eles bebiam em um posto de combustível, quando foram executados por três desconhecidos. Eles chegaram de moto e efetuaram diversos disparos de arma de fogo.

A equipe plantonista da Polícia Civil de Pacajá, por ser mais próxima geograficamente do local, realizou as diligências iniciais: esteve na cena do crime e tomou as medidas para a remoção dos corpos e, também, para ouvir os relatos de possíveis testemunhas.

Segundo o portal Notícia Marajó, a grande dificuldade enfrentada pela polícia nos trabalhos de investigação é a distância da Vicinal Lisboa, que fica de 8 a 10 horas de lancha rápida de distância da sede de Portel, onde está a delegacia.

O titular da Superintendência Regional de Polícia Civil do Marajó Ocidental, delegado Paulo Junqueira, disse que o local onde foi cometido o crime fica numa área de confluência entre os municípios de Portel, Pacajás, Anapu e Tucuruí.

Por causa destas distâncias geográficas, a região tem se tornado violenta em virtude das grilagens que têm gerado disputas criminosas por causa de terras. Bandidos também fogem das cidades do entorno para se refugiar na localidade.

A Polícia Civil informou que o triplo homicídio é investigado na Delegacia de Portel. As investigações para identificação dos envolvidos estão em andamento.

Por: O Liberal

Deixe uma resposta