PARÁ: Arcon fiscalizará retorno das viagens intermunicipais no estado no combate a covid-19. Saiba como denunciar o descumprimento de medidas!

Fiscais da Agência vão exigir a utilização de máscaras e outras formas de prevenção à Covid-19.


Com a volta do funcionamento do terminal rodoviário de Belém, aberto neste sábado, 4, as ações de fiscalizações dos transportes intermunicipais também foram ampliadas. Agora, além da documentação e das normas que antes eram verificadas para a segurança dos passageiros, a partir de agora os fiscais também checam todas as medidas contra a covid-19 estabelecidas para a liberação dos transportes intermunicipais e interestaduais.

Entre as medidas, o uso de máscaras por todos – passageiros e condutores – e a disponibilização de álcool em gel nos ônibus estão entre os pontos que serão conferidos pelos agentes da Agência de Regulação e Controle de Serviços Públicos do Pará (Arcon), em parceria com o Departamento de Trânsito do Estado do Pará (Detran), Polícia Rodoviária Estadual (PRE), Diretoria Municipal de Trânsito de Marituba (Diretran) e Polícia Rodoviária Federal (PRF), que atuarão em conjunto na fiscalização das estradas e dos transportes.

Por conta do risco de contágio pelo novo coronavírus, o foco da fiscalização da Arcon e de todos esses órgãos parceiros na operação deste ano – além da segurança nas estradas, é orientar usuários e motoristas do transporte intermunicipal sobre a prevenção neste veraneio atípico, de enfrentamento da pandemia de covid-19.

Os fiscais da Arcon atuarão em dois grupos de trabalho: rodoviário e hidroviário. A equipe terrestre se concentrará nas estradas e nos terminais rodoviários, e a equipe de fiscalização hidroviária será responsável pelo trabalho no Terminal Hidroviário de Belém e nos demais portos do interior do Estado, com o apoio de equipes volantes.

Serviço: Usuários que se sentirem prejudicados nos serviços prestados pelo transporte intermunicipal podem registrar reclamação por meio dos canais de atendimento da Ouvidoria da Arcon, com ligação gratuita pelo  08000911717, ou pelo e-mail ouvidoria@arcon.pa.gov.br.

Com informações Roma News 


DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui