Jovem atenta contra a própria vida em Moju

Infelizmente o rapaz foi encontrado morto. O disk 188 é um telefone do Centro De Valorização da Vida, CVV.

Nesta quarta-feira, 01/06, por volta das 15:00, infelizmente, um suicídio foi registrado no bairro da Pedreira, na cidade de Moju, nordeste paraense.

A guarnição da PM foi acionada para verificar a morte de um jovem na Travessa Presidente Médici, localizada no bairro Pedreira, em Moju. Possivelmente ele tenha se suicidado.
Ao chegar no local a PM constatou a veracidade do fato. Trata-se do nacional de nome Natanael Maciel Abreu Júnior que, segundo seu pai, era usuário de drogas e havia passado a noite na rua se entorpecendo, chegando em casa somente pela manhã.

O pai da vítima relatou ainda, que Natanael estava sozinho em casa e que, quando chegou, o mesmo já estava morto, pois havia atentado contra sua própria vida.

A Polícia Científica do Pará foi acionada para fazer a remoção do corpo para o Instituto Médico Legal.

Estima-se que 90% dos suicídios estejam ligados a doenças mentais e os outros 10% são referentes à impulsividade. No entanto, sabe-se que é muito mais frequente a tentativa de acabar com a vida. De acordo com a OMS (Organização Mundial da Saúde), para cada pessoa que comete suicídio, outras 20 tentam.

Veja, abaixo, outros sinais que indicam o risco de suicídio:

A pessoa já tentou se suicidar ou fala muito sobre o desejo de morrer;
Tem o hábito de se machucar e se cortar com frequência;
Sofre de oscilações de humor;
Posta muito nas redes sociais sobre suicídio;
Afasta-se da família e de amigos;
Piora do desempenho no trabalho;
Perde o interesse em atividades de que gostava;
Faz comentários autodepreciativos e é pessimista;
Comenta constantemente que é um fardo para os outros;
Dorme pouco, está sempre ansiosa, agitada ou com raiva;
Sente culpa o tempo inteiro ou vergonha;
Relata a sensação de vazio e desesperança;
Fala que não tem mais uma razão para viver.

Com informações do UOL e de Rosilda Morais do Portal Moju News.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui