Homem é preso pela 34ª vez e vira piada no Pará

Há cinco anos, José Dimas Silva de Brito, de apenas 21 anos, tem entrado e saído de delegacias. Os motivos vão de agressões contra mulher a roubo. Desta vez, ele é suspeito de cometer um assalto. Antes da prisão, ele foi espancado por populares.

Um homem, que tem uma vasta ficha criminal, identificado como José Dimas Silva de Brito, 21 anos, vulgo “Gordinho das Populares”, foi preso, pela 34ª vez, na última sexta feira (24), véspera de Natal em Canaã dos Carajás, no sudeste do Pará.

Ele foi preso depois de após assaltar uma mulher e roubar a motocicleta, na PA-160, entrada da Vila Nova Jerusalém. Depois de cometer o crime, o criminoso foi agarrado e espancado pela população. A Polícia Militar foi acionada, esteve no local e deu voz de prisão ao suspeito.

Segundo as autoridades, há pelo menos 5 anos, “Gordinho” entrou e saiu Delegacia de Polícia Civil pela 34ª vez em Canaã dos Carajás. Em 2020, ele passou vários dias preso após agredir a esposa. Depois da surra, ele foi conduzido para Delegacia de Polícia Civil, onde ficou preso mais uma vez pelo crime de roubo qualificado por ter assaltado uma vítima à mão armada.

As constantes prisões e solturas de “Gordinho das Populares” viraram motivo de chacota na boca do povo. A PM já perdeu a conta de quantas vezes já prendeu o meliante. Desta vez, a população espera que o assaltante passe alguns dias atrás das grades, onde está a disposição da justiça. 

Fonte: Dol

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui