Foto de menina sorrindo em frente a incêndio é vendida por R$ 2,5 milhões

-

Imagem viral é um dos memes mais conhecidos da intenret; saiba a história

Todo mundo – ou quase todo mundo – que navega pela internet se deve ter se deparado, em algum momento, com a foto de Zoe Roth, hoje uma mulher de 21 anos e estudante da universidade de Chapel Hill, nos Estados Unidos. 

Na clássica imagem, Zoe, à época criança, aparece sorrindo, em primeiro plano, enquanto um prédio queima no fundo. A expressão dela, considerada até sádica por alguns, acabou fazendo com que a foto, tirada em 2005, se tornasse um dos memes mais famosos da internet. 

O que Zoe não sabia é que a imagem tinha potencial de lhe gerar um bom dinheiro, mas isso mudou esta semana, quando a foto foi vendida por US$ 473 mil (R$ 2,5 milhões) ao ser transformada em NFT (sigla que vem da expressão “token que não se consome com o primeiro uso” em inglês; na prática, um selo de autenticidade digital que garante a propriedade de uma imagem e faz do comprador seu único dono). Foi Zoe quem negociou a venda, decidindo transformar a foto de seu pai em um NFT depois de receber um telefonema, em fevereiro, quando ficou convencida de que a imagem poderia render uma boa soma de dinheiro no mercado de NFTs.

O NFT da foto não foi vendido em dólares, mas, sim em uma criptomoeda, o ethereum. A cada vez que o NFT for revendido, Zoe ainda vai receber 10% do valor de transação.

A HISTÓRIA DA FOTO

De acordo com o jornal “Independent”, a imagem foi registrada pelo pai da menina em 2005, quando eles estavam passeando pelo bairro da cidade de Mebane, no Estado da Carolina do Norte, onde viviam, quando o incêndio acontecia.

Fonte: O Liberal

Parceiros
spot_imgspot_imgspot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_imgspot_img
Parceiros

Must Read

Chefe do tráfico no Pará e 3 membros de facção morrem...

0
Segundo a polícia, até o momento, foram confirmadas 22 mortes no confronto, dessas, onze teriam envolvimento com o crime organizado. Esta terça-feira (24) começou de...