Criança de 3 anos é espancada até a morte pelo padrasto por urinar na cama

Foto: Freepik

Um caso cruel chocou os moradores de Lima Duarte, na Zona da Mata, em Juiz de Fora. Um menino de apenas três anos de idade foi espancado até a morte pelo padrasto por ter urinado e defecado na cama. A criança chegou a ser levada para uma unidade de saúde, mas já chegou morta.

O padrasto de 33 anos foi preso em flagrante ao chegar no IML para pegar os papéis e fazer o enterro da criança, na terça-feira (02). Ele confessou o crime a Polícia Civil e disse que a criança estava na transição entre tirar a fralda e usar o vaso sanitário e acabou fazendo as necessidades na cama. Com isso, ele perdeu a cabeça e deu vários socos abdômen do menino de 3 anos até matá-lo.

A mãe da criança, de 26 anos, também foi questionada pelos peritos acerca do óbito e contou que a criança tinha sido espancada pelo companheiro dela na casa da família, no bairro Poço das Pedras, nesta segunda-feira (1). Ela será investigada por abandono ou até mesmo negligência em relação a morte do filho.

O padrasto vai responder por homicídio duplamente qualificado em razão da motivação e o meio de execução do crime. Ele já tem passagem pela polícia por crimes contra o patrimônio como roubo, furto e receptação.

A Polícia Civil informou, ainda, que a família tinha um histórico de violência familiar e era monitorada pelo Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) de Lima Duarte.

Fonte: O TEMPO 



DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui