Vestido de ‘morte’, homem vai à fila da Caixa para saque do auxílio emergencial no interior do Pará

Caso ocorreu em Cametá (PA) neste sábado (2). A ideia era chamar atenção para o risco de contaminação pela aglomeração nas filas

Homem fantasiado de ‘morte’ caminha pelas ruas de Cametá, no Pará

Pessoas que foram à agência da Caixa Econômica Federal em Cametá, no interior do Pará, para fazer o saque emergencial de R$ 600 na manhã deste sábado (2) se depararam com uma cena inusitada. Um homem se vestiu de “morte” e circulou próximo aos que formavam longas filas para o saque liberado pelo Governo Federal.

Usando roupa preta, segurando uma foice e com a máscara da personagem, ele chamou atenção de todos. A ideia era alertar para o risco de contaminação ao se aglomerar nas filas, mas as pessoas levaram a fantasia na brincadeira e pediram até para fazer foto com a “morte”.

Centenas de pessoas fizeram fila para saque de auxílio emergencial em Cametá (PA). — Foto: Bruno Veiga Arquivo Pessoal

“Vestimos uma pessoa de morte e colocamos câmera na foice. Foi uma experiência social minha com um amigo para poder ver qual a sensação das pessoas em ver que tá todo mundo arriscando sua vida por R$ 600. E as pessoas paravam pra tirar foto com a morte!”, relata Bruno Veiga, que teve a ideia juntamente com o amigo Lauri Fernandes.

A “morte” ficou passeando entre as pessoas na fila. Segundo Bruno, os moradores se assustavam no início, mas depois pediam para fazer selfie.

“As pessoas olhavam a morte e pediam pra tirar foto, achando graça, elas não tão nem aí se vão morrer, as pessoas tão malucas”, relatou ainda Bruno.

Fonte: G1 Pará

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui