Mulher mantida em cárcere privado é resgatada após jogar bilhete no quintal da vizinha

A vítima escreveu o recado depois do marido afirmar que iria matá-la quando chegasse do trabalho.

Uma mulher de 23 anos, mantida em cárcere privado durante meses pelo marido, conseguiu ser resgatada após jogar um bilhete pedindo socorro no quintal da vizinha. O caso foi registrado na terça-feira (12), em José Bonifácio, interior de São Paulo.

“Oi, sou sua vizinha. Tô presa dentro de casa com duas crianças. Pode chamar a polícia para mim? Tô correndo risco de morte”, diz o bilhete que o portal G1 teve acesso. Segundo informações da Polícia Militar, a vítima escreveu o recado depois de ter sido ameaçada pelo homem, de 64 anos.

“Ela não tinha contato com ninguém. Foi a forma que encontrou para pedir socorro. O homem disse que mataria a esposa quando chegasse do trabalho”, explicou o tenente Matheus Maestra. A vizinha leu o recado e ligou para o 190.

Ao ir para a residência, os agentes conseguiram escutar os pedidos de socorro da mulher, que estava em cárcere com duas filhas, uma de dois e outra de sete anos. A casa possuía um muro alto, cinco câmeras de segurança e janelas com grades.

“Encontramos o marido no trabalho. Ele confessou que cometia o crime porque tinha ciúme excessivo. A mulher não soube informar quantos dias foi mantida dentro de casa, porque perdeu a noção do tempo, mas disse que foram meses”, finalizou a polícia.

Por O Liberal.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui