Homem morre após agredir companheira e policiais em Breu Branco

Edivaldo, de 32 anos, morreu na noite desse domingo (22) depois de tentar assassinar uma mulher e entrar em luta corporal com policiais

Um homem de 32 anos de idade morreu na noite desse domingo (22) depois de tentar assassinar uma mulher, entrar em luta corporal com policiais e ser ferido a tiro. O caso aconteceu na cidade de Breu Branco, a 30 quilômetros de Tucuruí, no sudeste paraense.

Segundo informações do 36º Pelotão de Polícia Militar, duas mulheres pediram ajuda aos policiais, por volta das 23h. Elas informaram que Edivaldo Leal Cruz estava armado com uma faca e tentando matar sua companheira, residente à Rua Clemente Quaresma, no Bairro Bela Vista.

Quando a guarnição chegou ao endereço e encontrou fechada a porta do quarto onde o casal estava, iniciou-se uma negociação para convencer Edivaldo a liberar a mulher e se entregar. A vítima clamava por ajuda. Edivaldo abriu a porta do quarto, resistiu à voz de prisão, entrando em briga corporal com um dos policiais, que ficou ferido em uma das mãos. Em seguida, um dos policiais efetuou dois tiros: o primeiro foi de alerta, no entanto, o acusado continuou com as agressões, e o segundo que atingiu o homem. Edivaldo não resistiu ao ferimento e morreu ao ser socorrido.

Por: Portal da Cidade Tucurui

Deixe uma resposta