Falso médico é preso após idoso morrer durante endoscopia no sudeste do Pará

Reprodução.

O suposto médico, responsável pelo procedimento, foi preso em flagrante. Ele já era investigado pela Polícia Civil do Pará por exercício irregular da profissão. 

Um idoso de 60 anos morreu durante um exame de endoscopia em uma clínica particular de Marabá, na manhã desta terça-feira (25). O suposto médico, responsável pelo procedimento, foi preso em flagrante. Ele já era investigado pela Polícia Civil do Pará por exercício irregular da profissão. De acordo com a PC, o acusado teria falsificado um documento que provava a conclusão dele em outras fases do curso de Medicina.

Segundo o delegado que acompanha o caso, Vinicius Cardoso, diretor da Seccional de Marabá, policiais foram até a clínica do médico para dar seguimento na investigação, mas se depararam com a morte do idoso. “Fomos colher depoimentos e receituários, que pudessem ser usados como provas e nos deparamos com a morte de um homem que foi até a clínica fazer um simples exame de endoscopia. Imediatamente, solicitamos perícia de local de crime e prendemos o suposto médico em flagrante”, informou a autoridade policial.

O corpo do homem foi levado para o Centro de Perícias da região. O suposto médico foi preso em flagrante e, segundo a polícia, vai responder por exercício irregular da Medicina e homicídio.

Fonte: O liberal.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui