Detentos fazem rebelião em Manaus com 7 agentes reféns

Secretaria de Administração Penitenciária do Amazonas não registrou mortes

Presos se aglomeram em torre de presídio em Manaus Foto: Reprodução/Portal do Holanda

Detentos da Unidade Prisional do Puraquequara (UPP), em Manaus, capital do Amazonas, fazem uma rebelião na manhã deste sábado (2). Segundo a Secretaria de Administração Penitenciária (Seap), sete agentes penitenciários são feitos reféns. Não há informações sobre mortos.

A rebelião iniciou por volta das 6h da manhã, durante o café, quando presos serraram as grades de duas celas da unidade e avançaram sobre os agentes. A UPP tem atualmente 1.079 presos.

No momento, os presos se aglomeram em torres que ficam na parte externa do presídio, onde fazem protestos com os reféns. Segundo familiares dos presos, os pedidos são por melhores condições no local.

Em nota, a Secretaria de Administração Penitenciária informou que os presos exigiam “a presença da imprensa e dos direitos humanos”. Por volta das 10h, a Comissão de Direitos Humanos da OAB-AM conseguiu entrar no presídio.

O local foi um dos alvos, em maio do ano passado, de um massacre que matou 55 detentos em diferentes presídios da capital do Amazonas. No total, seis dos mortos estavam presos na Unidade do Puraquequara.

Fonte: Pleno News

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui