Criminosos morrem após confronto com a PM na zona rural de Moju

‘Zezé’ era apontado como um dos chefes da criminalidade na região do médio Moju, no Jupuubinha. Tracuá seria da cidade de Moju. Ambos são acusados de também terem envolvimento com a morte do Subtenente Sales. A pistola do policial foi encontrada com um deles.

Em uma operação Policial, realizada na madrugada desta terça, 21, dois criminosos procurados pelas autoridades policiais em Moju, morreram após confronto com policiais militares da 8 Companhia.

Os militares informaram que após denúncias, conseguiram chegar ao endereço em que a dupla estava escondida, na região do médio Moju, na área do Jupuubinha.

Eles foram identificados como ‘Zezé’, que era apontado pela polícia como chefe da criminalidade na área do Jupuubinha, o outro foi identificado como Carlos Henrique Matos dos Santos, de 22 anos, conhecido como ‘Tracuá’. Eles teriam mandados de prisão por terem participação na morte do Subtenente Sales, morto em Moju, no último dia 17 de maio e, segundo a PM, eles faziam parte de uma facção criminosa.

Foto Colagem com as armas apreendidas e dos mortos durante a operação. Edição: Portal Moju News

A PM em entrevista ao Portal, disse que chegou ao local por volta das 4 horas da manhã, após receber a denúncia, e que esperaria amanhecer o dia para dar cumprimento ao mandado de prisão, mas os acusados perceberam a chegada da PM e efetuaram os disparos contra a guarnição, que imediatamente revidou.

Os acusados ainda foram socorridos para a Unidade Mista de Saúde, mas não resistiram.

Três armas foram apreendidas:

Duas pistolas e um revólver foram apreendidos durante a operação. Uma pistola calibre 380, que seria a arma usada para tirar a vida do policial, uma pistola ponto 40, que seria a arma do Subtenente Sales, além de mais um revólver calibre 38 que seria roubado de uma empresa produtora de dendê em Moju.

A Polícia Científica do Pará foi acionada para remover os corpos para o Instituto Médico Legal em Abaetetuba.

Veja aqui o momento da chegada dos policiais até a Unidade Mista de Saúde em Moju.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui