Acusado de homicídio é preso ao sair do trabalho pela polícia de Tailândia

-

O crime ocorreu na Vila Turi-Açu, a 70 quilômetros de Tailândia, em dezembro de 2020.

Polícia Civil, através da delegacia de Tailândia, nordeste do Estado, prendeu por volta das 16h de ontem (23) Adilson Sousa Filho, acusado de envolvimento no homicídio de Nildo Paiva, em dezembro de 2020.

A prisão aconteceu na zona rural de Tomé-Açu, no momento que o acusado saía da empresa de dendê onde trabalhava. Adilson foi surpreendido pelos policiais, dentro do ônibus que transporta os trabalhadores da empresa.

O crime ocorreu na Vila Turi-Açu, a 70 quilômetros de Tailândia. Segundo o delegado João Bosco, Adilson Sousa matou na companhia do primo que já foi identificado, a vítima a golpes de facão, depois de uma confusão dentro de uma casa, onde os três consumiam bebida alcoólica.

Após matarem a vítima, por volta das 22h do dia 19 de dezembro do ano passado, os dois acusados arrastaram o corpo para o meio da rua. As investigações apontaram que Nildo Paiva recebeu vários golpes e ficou praticamente desfigurado.

Em depoimento ao delegado, o acusado disse que o primo seria o principal responsável pelo morte da vítima, e ele ajudou apenas na hora de arrastar o corpo.

Adilson está preso, preventivamente, á disposição da Justiça no Módulo Carcerário de Tailândia.

Fonte: Portal Tailândia

Parceiros
Fernanda Araújohttp://mojunews.com/
Jornalista. Pós-graduanda em Assessoria de Comunicação e em Marketing e Redes Sociais. Graduanda em Psicologia.
spot_imgspot_imgspot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_imgspot_img
Parceiros

Must Read

Pastor é preso por abusar de criança de 7 anos no...

0
Nessa terça-feira, 19, a Polícia Civil prendeu Pedro Fernandes dos Santos Neto, conhecido como pastor Pedro, depois de ser flagrado ao abusar sexualmente de...