Acusado de assaltos e homicídio morre ao entrar em confronto com a PM, em Moju

-

Marciel Batista Couto é acusado de ter assaltado e baleado um comerciante em Moju há duas semanas, além de cometer diversos outros assaltos. Ele também é conhecido por ter matado Renan Farias, em 2019.

Um acusado com uma extensa ficha criminal morreu após entrar em confronto com policiais militares da 8ª Companhia de Moju.

Identificado como Marciel Batista Couto, ele era responsável por diversos assaltos praticados em Moju. O mais recente foi a um empresário, que foi baleado três vezes no último dia 30 de setembro. Leia aqui.

Nas redes sociais, internautas também reconheceram Marciel como responsável por outros assaltos. Um deles disse que teve seu celular roubado por ele em um arrastão na semana passada, próximo à Caixa Econômica do município.

Ainda pesava sobre ele a condenação por ter matado o jovem Renan Farias, no ano de 2019. O crime chocou centenas de populares. Veja a notícia aqui.

Nesta quarta-feira, 13, os policiais militares receberam a denúncia de um esconderijo onde estava Marciel, no bairro Almir Gabriel. Mas, quando a PM chegou ao local, Maciel apontou uma arma aos policiais, que reagiram e alvejaram o acusado.

Ele ainda chegou a ser levado à Unidade Mista de Saúde para ser socorrido, mas não resistiu e veio a óbito.

O tenente Quaresma disse à reportagem que Marciel era de altíssima periculosidade e agradeceu também o apoio da sociedade mojuense.

(Reprodução)
Parceiros
spot_imgspot_imgspot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_imgspot_img
Parceiros

Must Read

Pastor é preso por abusar de criança de 7 anos no...

0
Nessa terça-feira, 19, a Polícia Civil prendeu Pedro Fernandes dos Santos Neto, conhecido como pastor Pedro, depois de ser flagrado ao abusar sexualmente de...